Venha ser mais um atleta do Basquete em Sertãozinho

Venha ser mais um atleta do Basquete em Sertãozinho
07/10/2019

Quer saber quais são os benefícios do basquete? Então, vem com a gente!

 

O basquete é um esporte que pode ser iniciado em idades bem precoces. Por ser um esporte de equipe, incentiva a sociabilidade, o que é ideal para as crianças tímidas. Além disso, a própria dinâmica do jogo ensina os pequenos a agirem com rapidez, a tomarem decisões e a resolverem situações problemáticas.

            Portanto, a escolinha de basquete da Secretaria de Esportes e Lazer de Sertãozinho, em parceria com Instituto Social, Cultural e Esportivo (ISCE), coordenado pela Professora Teresa Cristina da Costa Freitas (Tininha) e pelo Professor Márcio Juzzo, incentiva a autonomia das crianças e também as ajuda a se sentirem parte de um grupo, preparando-as para ocupar o seu lugar na sociedade ao ensinar valores tão importantes como a cooperação. Isso porque nos esportes em equipe, mais que a competitividade, são a ajuda mútua e o companheirismo que importam.

           Os objetivos da Escolinha são que os alunos aprendam os fundamentos da modalidade (passe, drible, arremesso, bandeja, lance-livre, rebote e finta); desenvolvam a coordenação motora global e específica; conheçam as regras do basquete e as táticas do jogo; e desenvolvam habilidades individuais e dinâmicas de grupo.

           “Por tudo isso, é indicada a prática em uma escolinha de basquete para uma melhor orientação. Aqui fazemos questão de tratar como uma verdadeira escolinha de basquete, porque acreditamos que o esporte é grandioso e temos o conceito de treino de verdade”, destaca a professora Tininha.

            O projeto conta, hoje, com mais de 60 alunos iniciantes, dos 07 aos 11 anos, além das equipes de competição (Sub-15 e Sub-20). “O trabalho já rendeu bons resultados. Alunas nossas que já competem foram campeãs nos Jogos Regionais deste ano, na cidade de Franca, e estão classificadas para os Jogos Abertos do Interior a serem disputados em novembro, na cidade de Marília”, Tininha orgulha-se.

            O basquete desenvolve na criança o interesse de conviver em grupo. A atleta Maria Eduarda Cacamo da Silva, de 17 anos, pratica a modalidade desde os 11. “O basquete me ensinou a criar um vínculo maior com os outros alunos e com as pessoas no dia a dia, além de ser para mim o esporte mais coletivo que existe, onde dentro da quadra, um atleta busca muito um ao outro”, destaca a jovem.

 

            Confira os dias, horários e os locais das aulas:

 

EMEF Waldomiro Gomes

  • Terças e quintas-feiras, das 9h às 11h e das 14h às 15h

 

Complexo Esportivo “Edgard Dega Gonçalves” (Patinódromo)

            Escolinha e Equipes de Competição Feminino:

  • Terças e quintas-feiras, das 17h30 às 20h30
  • Sábados, das 9h às 12h

            Escolinha e Equipes de Competição Masculino

  • Segundas-feiras, das 17h30 às 22h
  • Quartas-feiras, das 19h30 às 22h
  • Sextas-feiras, das 18h às 22h
  • Sábados, das 14h às 17h

            As crianças que queiram iniciar a praticar o Basquete ou os pais interessados em incentivar os seus filhos, podem se dirigir aos locais e horários das aulas e realizar suas inscrições. A EMEF “Waldomiro Gomes” fica à rua Alberto Benvegnú, 50 – Conj. Hab. Antônio Costa Patrão. Já o Complexo Esportivo “Edgard Dega Gonçalves” (Patinódromo) se localiza na Avenida Afonso Trigo, 500 – São João. (Departamento de Comunicação PMS)