OPINIÃO - Mais um record do Agro

OPINIÃO - Mais um record do Agro
26/10/2018

Arnaldo Jardim

As exportações do agronegócio brasileiro em 2018 devem alcançar ou até mesmo superar a histórica marca de US$ 100 bilhões. A estimativa é do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e comprova mais uma vez a força do campo.

É o maior volume de exportações deste nosso setor que há anos vem sendo fundamental para o delicado momento econômico brasileiro. É um respiro para uma economia que vem patinando para promover a retomada do crescimento. Resultado de exportações crescentes, que aumentaram 4% em relação a 2017.

Nos 12 meses encerrados em setembro, alcançaram US$ 98,70 bilhões, valor 7,8% maior do que entre outubro de 2016 e setembro de 2017 (US$ 91,55 bilhões). No acumulado dos nove primeiros meses de 2018, as exportações do agronegócio (de US$ 76,66 bilhões) foram 3,6% maiores dos que as de igual período de 2017 (US$ 73,98 bilhões).

Esse ritmo de expansão, se mantido nos próximos meses, será suficiente para assegurar exportações totais de pouco mais de US$ 100 bilhões – maiores que os US$ 96,01 bilhões de 2017.

O agro contribuiu decisivamente para a recuperação do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil, que, em maio de 2016, estava em -5,9%, passou a 1% de crescimento em 2017 e deverá encerrar 2018 em torno de 1,4%.

São números que impactam diretamente na queda da inflação ao aumentar a oferta de alimentos nas mesas brasileiras, derrubando o preço deles. Setor essencial, para São Paulo, que necessita de políticas públicas que, fortalecendo a pesquisa, impulsionando a extensão rural e garantindo a defesa sanitária, apoiem a inovação e o  dinamismo deste nosso segmento.

Nesta semana, a pedido do governador Márcio França, lideranças de mais de 10 entidades do agro se reuniram no Palácio dos Bandeirantes para dialogar com o Governo sobre os desafios que ainda se impõem para que esse crescimento continue. Buscar destravar o PRA esteve nesta pauta!

Este é meu compromisso, há muitos anos, defender nossa agricultura e pecuária. É por isso que faço questão de, como deputado federal, no Congresso Nacional lutar em favor do agro integrando a Frente Parlamentar em Defesa do Setor Agropecuário e a Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados.

Acabo de ser reeleito para mais um mandato e renovo meu compromisso de trabalho com este setor que sempre traz boas notícias e nos enche de orgulho!

Arnaldo Jardim – Deputado Federal – PPS/SP