Dia dos namorados: comércio funciona em horário especial

Na segunda-feira, 12, comemora-se o Dia dos Namorados. Em função disso, hoje, 10, o comércio funciona em horário especial, das 9h às 17h. Data é uma das mais importantes segundo a ACIS de Sertãozinho
12/06/2017

Em função da data, comércio funciona em horário especial neste sábado, 10

 

Maristella Coutinho

 

Na próxima segunda-feira, 12, é comemorado o Dia dos Namorados em todo o país. E, por esse motivo, o comércio de Sertãozinho se prepara para receber uma demanda maior de pessoas interessadas em presentear seu grande amor.

A data, que é uma das que mais movimentam o comércio no Brasil, promete levar muitas pessoas às ruas em busca de promoções que não pesem no bolso. De acordo com a lojista Silvana Paschoal Sampaio, que possui uma floricultura no município, as vendas aumentam bastante em datas comemorativas. “Principalmente no Dia dos Namorados as vendas da loja aumentam mais de 100 por cento; os produtos que mais saem daqui são flores, cestas de chocolate e bichos de pelúcia”.

Ainda de acordo com  Silvana, “cerca de 60 por cento dos meus clientes são homens, já que os produtos da minha loja são de preferência feminina”.

         Para o presidente da Associação Comercial de Sertãozinho (ACIS), Paulo Scaranelo, “os comerciantes decoraram as vitrines com vários dias de antecedência para chamar a atenção do público. Dessa forma, as pessoas não se esquecem do presente e são incentivados a ir até o comércio procurar o produto de desejo do namorado ou da namorada”.

Ainda segundo ele, mesmo com a crise, as vendas continuam subindo.

Para manter a demanda, o comércio abrirá em horário especial. “No sábado, dia 10, a lojas estarão abertas das 9h às 17h da tarde. Nossa expectativa é grande e acredito que a movimentação financeira que a data pode gerar para o município seja positiva”.

Apesar da grande demanda, nem todo mundo está à procura de um presente. De acordo com dados divulgados por uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), de cada 10 brasileiros, apenas seis pretendem presentear.

No topo da lista dos presentes mais vendidos estão as roupas, citadas por 30% das pessoas que pretendem ir às compras. Na sequência aparecem: perfumes, cosméticos, maquiagens, calçados, acessórios, chocolates e jantares.