ÁRVORE QUE DEU FRUTOS - Vereadora Neli Tonielo presente na ampliação do SENAI

ÁRVORE QUE DEU FRUTOS - Vereadora Neli Tonielo presente na ampliação do SENAI
04/12/2017

Na sexta-feira, 24 de novembro, a vereadora Neli Tonielo esteve presente na inauguração da ampliação do SENAI. Lá, Neli Tonielo entregou moção de aplausos e congratulações aos responsáveis, ao diretor da Unidade Sertãozinho Luiz Zambon Neto, e o presidente da FIESP, Paulo Skaf.

Foi inaugurado em 27 de março de 1.998, o Centro de Treinamento SENAI "Ettore Zanini", com a presença da então Prefeita, Maria Neli Mussa Tonielo, e de diversas autoridades e empresários, com objetivo de atender ao parque industrial de Sertãozinho e região.

De lá para cá, muita coisa mudou e, através de um projeto bastante alinhado com as demandas da cadeia produtiva do setor sucroenergético, com uma estrutura que nada deve as melhores instituições de ensino e tecnologia do Brasil e também de outras partes do mundo, temos agora uma nova infraestrutura, uma nova escola, o SENAI "Ettore Zanini".

No dia 24 de novembro de 2017, o SENAI de Sertãozinho dará mais um passo ao futuro, inaugurando uma Unidade de Produção de Etanol.

Recurso que atende as demandas de serviços educacionais de todas as áreas tecnológicas da unidade e também, e com grande ênfase, em serviços tecnológicos.

Possibilitará ações como desenvolvimento e testes de produtos e equipamentos promovendo escalonamento e badtest.  Está sendo preparado, com a participação de diversos parceiros, para ser um OPEN-LAB I4.0 nos moldes da Escola SENAI de São Caetano, porém com foco em processos contínuos.

Foram investidos R$ 4,9 milhões, na Unidade Piloto de Produção de Etanol (UPPE) do Centro de Formação Profissional SENAI “Ettore Zanini”, com a capacidade de produção de 1.056 litros por dia de Etanol; ocupa cerca de 500 m² e está equipada com recursos tecnológicos de alto nível.

Esta unidade permite a realização de diversas pesquisas, simulações e análises, pois conta com alto grau de automação com mais de 130 pontos de medição e diversos encaminhamentos de tubulações que poderão ser configurados através das mais de 270 válvulas, que permitem diversos arranjos produtivos dentre os diversos equipamentos que incluem dornas, tanques, centrífuga, colunas de destilação, trocadores de calor, evaporadores, torre de resfriamento, caldeira.

Texto retirado da moção

“Me lembro como hoje da primeira vez que estive aqui para inauguração. A população de sertanezina agradece aos diretores do SENAI”, destaca Neli Tonielo.